22 de jul de 2011

FESTIVAL DO CAMARÃO EM AFUÁ-PA!!!

Olá galera, quem gosta aí de camarão?????
Huuuuummmm...só de pensar já me dar água na boca!!!

O evento começa hoje e vai até domingo, com atrações musicais e culturais.

Nesta sexta-feira (22) a programação se inicia às 12 horas. No espaço chamado Camaródromo, ficam os restaurantes, em que é apresentado os pratos típicos feitos com camarão. O prefeito Mazinho assegura que o Afuá é o único município do Marajó que tem o camarão pitu. Ele acrescenta que inúmeros pratos serão servidos no evento, como o camarão no bafo, caldeirada de pitu, mujica de camarão, peixe ao molho de camarão e até o inusitado pudim de camarão.
HUUUMMM...TEM DÓ DE MIM PAPAI...hhauhaauha...
MUITO BOM!!!

Conhecida como a Veneza marajoara, a cidade de Afuá, localizada a 254 km de Belém, realiza o tradicional Festival do Camarão. O evento, que começou ontem, prolonga-se até domingo (24). Segundo o prefeito municipal, Mazinho Salomão, a festa que acontece há 29 anos vai movimentar o turismo da cidade, que espera 40 mil visitantes. O 29º festival do Camarão de Afuá é uma festa tradicional. Este ano, de acordo com os organizadores, serão utilizados cerca de 40 toneladas de camarão. O festival contará com 20 atrações, incluindo nomes como Fafá de Belém, Forrozão Tropikália, Babado Novo e Só Pra Contrariar. O festival teve início às 16h de ontem, com a ‘’biciata’’, uma carreata de bicitáxi. O veículo consiste num quadriciclo de quatro rodas de bicicleta, com uma estrutura de carro em cima, que percorreu as ruas do Afuá. Depois, o festival passou para a parte dos shows. Fafá de Belém subiu ao palco às 23h. Cada banda ou músico teve duas horas para se apresentar.  
"BICITAXI" DE AFUÁ
A CIDADE
Repleta de canais e palafitas, Afuá possui 40 mil habitantes, sendo 15 mil na cidade e 25 mil no campo, muitos às margens de rios e igarapés. O município fica próximo a Macapá (AP). Por esse motivo, uma boa parte do público do festival provém do Estado vizinho, que fica a apenas 75 km e a quatro horas de barco. A ida para o Afuá pode ser via barco ou de avião. Para quem escolher sair de Belém por barco, a viagem dura 30 horas. Quem quiser chegar mais depressa pode ir de avião monomotor ou biomotor, e a viagem dura cerca de uma hora. Também há a opção Belém-Macapá-Afuá, em que da capital paraense para Macapá se pega um avião, e de Macapá para Afuá usa-se o barco. A rede hoteleira está preparada para os visitantes, que também podem contar com as casas dos moradores ou os próprios barcos que chegam à cidade.

Apesar das comidas típicas e as atrações musicais, o que chama a atenção é a Batalha Camaroeira. A disputa acontece entre os camarões "Convencido" (Verde) e o "Pavulagem" (Vermelho) e é o principal atrativo do evento. A batalha dos camarões, diz o prefeito Mazinho é uma paródia à festa do Boi de Parintins (AM), com uma pitada regionalista. "A competição é apresentada no sábado (23) à noite, no Camaródromo. Nela, os dois camarões fazem um desfile, na qual cada um tem uma hora para se apresentar. O desfile é como se fosse de escola de samba, com cenário, alegorias, fantasias. É muito parecido com os bois Garantido e Caprichoso", completa.

Também no sábado (23), ocorre a escolha da Rainha do Festival e a apresentação dos grupos de pagode. Para Mazinho, apesar de Afuá não ter praias, conta com os rios e com um balneário, localizado na frente do Camaródromo, em que muitas pessoas aproveitam para se refrescar.
No domingo (24), último dia da festa, será o dia da escolha do Mister do Festival. Além das atrações musicais, também haverá o resultado da Batalha Camaroeira. "O prêmio é um incentivo para os grupos que compõem os camarões. A Prefeitura dá um suporte financeiro para que esses grupos preparem as apresentações, eles também, durante o ano fazem muitos eventos para angariar dinheiro para a disputa", detalha Mazinho Salomão.

Fonte: http://www.orm.com.br/oliberal/

E AÍ VAI PERDER?????? 

Nenhum comentário:

Postar um comentário